Beldroega, um alimento funcional

beldroega_destaque

Sabia que…. A beldroega é uma planta de origem européia considerada uma espécie invasora sendo, por esta razão, desprezada pela maioria da população.

Utilizada na preparação de saladas e sopas, possui um sabor semelhante ao espinafre e seu uso na culinária figura em algumas receitas da gastronomia portuguesa tradicional, essencialmente na zona do Alentejo, aparecendo especialmente em saladas e sopas, embora este uso fique muito longe do uso que se devia fazer, baseado no seu valor nutricional intrínseco.

Por que razão deve comer Beldroega 

As folhas de beldroega, por serem ricas em vitaminas e sais minerais, apresentam vários benefícios nutricionais:

A grande quantidade de vitamina A, contribui para a saúde da visão e para uma correta função imunológica.
As vitaminas do complexo B têm uma função essencial na digestão e absorção de vários nutrientes e as vitaminas C e E, possuem um grande potencial antioxidante, prevenindo diversos tipos de doenças.
Com levado teor de magnésio, importante para a saúde muscular e óssea e boa fonte de cálcio, potássio (controlo da pressão arterial), ferro (transporte celular de oxigénio) e zinco (saúde imunitária).
São ainda ricas em ácidos gordos omega-3 (ácido alfa-linolénico)

Como comprar e conservar:

No momento da compra, devem-se escolher as folhas mais verdes e viçosas em detrimento das murchas e amareladas, uma vez que estas últimas já perderam muitas das suas propriedades nutricionais. As folhas mais sujas ou com manchas mais escuras devem ser excluídas e ate ao seu consumo podem conservar-se no frigorífico, de preferência num saco de plástico e durante aproximadamente três dias. apos este período, as folhas podem começar a apresentar sinais de deterioração.

podem ser consumidas em cru, acompanhado por exemplo uma salada de alface ou então cozinhadas em pratos quentes, como sopas ou cremes.

Já experimentou sopa de beldroegas ???

Deixo uma sugestão, do roteiro gastronômico de Portugal http://www.gastronomias.com/receitas/rec0237.htm

Sopa de Pargo com Beldroegas

Ingredientes:

  • 350 grs de tomate
  • 1 colher de (chá) de colorau
  • 3 mãos-cheias de beldroegas tenras
  • 4 batatas pequenas
  • pão caseiro de véspera
  • 800grs de pargo
  • 5 dentes de alho
  • 2 cebolas
  • 6 colheres +/- de (sopa) de azeite
  • 1 folha de louro
  • sal q.b.

Confecção:

Limpe o peixe,lave e corte em postas.
Tempere com sal e pimenta e aguarde 30 minutos. Esmague os alhos com a casca e leve ao lume com o azeite.
Quando começarem a alourar junte as cebolas descascadas e picadas.
Depois adicione o tomate pelado e picado e o louro. Refogue e tempere com sal, pimenta e colorau.
Junte as beldroegas muito bem lavadas e as batatas descascadas e cortadas em meias-luas.
Ferva durante +- 15 minutos.
Acrescente as postas de peixe e acabe de cozinhar. Rectifique os temperos.
Deite no fundo de uma terrina algumas fatias de pão, e por cima verta o caldo a ferver.
Acompanhe com o peixe, servido num prato fundo.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.