O que são super alimentos ?

O termo quer dizer que o alimento é rico em uma variedade de nutrientes. Isto é, contém um conjunto de substâncias que o tornam extremamente benéfico à saúde e proporcionam uma melhor qualidade de vida, já que ajudam na prevenção de doenças e no bem-estar. Esses ingredientes também são poderosos antioxidantes, que combatem os radicais livres que atacam as nossas células e retardam o envelhecimento precoce de órgãos e tecidos.

Açaí

Diretamente da floresta da Amazónia chega este fruto roxo escuro carregado de proteínas, fibra, ácidos gordos, fitonutrientes, flavonoides, vitamina C e minerais como o ferro, fósforo, cálcio e potássio. Tudo isto faz com que seja ótimo para a memória, concentração e prevenção de várias doenças como a anemia, reduz o “mau” colesterol e melhora a circulação sanguínea.

É um poderoso antioxidante, anti-inflamatório, tonificante e regulador do metabolismo. Além de tudo isto este superalimento também faz milagres pelo seu cabelo baço e quebradiço, também é fonte de fibras, que promovem saciedade e melhoram o trato digestivo.

Na alimentação, tem várias opções: pode comprar a polpa deste fruto ultracongelada para fazer smoothies, gelados ou outras sobremesas, ou então adquirir o pó e utilizá-lo nas mais variadas formas, batidos, bolos, panquecas, misturar em iogurte.

Maca peruana

Encontrada no Peru a mais de 4.500 metros de altitude, é uma raiz que parece um rabanete. É rica em proteínas, aminoácidos, vitaminas, minerais, carboidratos, fibras e os fitonutrientes. A maca contribui para a resistência imunológica, tem potencial afrodisíaco, melhora a vitalidade e a fertilidade.

Muito rica em cálcio, ferro, magnésio, cálcio, sódio, potássio e fósforo, além das vitaminas C, E, B1 e B2, é ainda um alimento adaptogénico, ou seja, o efeito que tem no corpo adapta-se às suas necessidades. Graças aos seus componentes, está associado à sua capacidade de aumentar a força, a energia e a resistência, sendo considerado um bom aliado para a memória, fertilidade e ainda para melhorar as funções sexuais. Pode comprar em pó e juntar a sumos, batidos ou smoothies de pequeno-almoço ou lanche e, até, adicionar algumas colheres a temperos de saladas.

Bagas Goji

goji

Essa pequena fruta é a fonte mais rica de vitamina C disponível atualmente. Também possui aminoácidos e uma enorme concentração de antioxidantes (cerca de 25 mil unidades para cada 100g).

Excelente fonte de proteína completa, contem 18 aminoácidos diferentes, entre os quais oito essenciais ao nosso organismo, 21 minerais, onde se destacam o zinco, cobre, ferro, cálcio, fósforo e selénio. Tem vitaminas B1, B2, B6 e vitamina E, e também polissacarídeos, que contribuem para a fortificação do sistema imunitário e anti-envelhecimento.

Super alimento com propriedades antioxidantes e anti-cancerígenas, fortalece o organismo contra as doenças cardiovasculares e inflamatórias, problemas na visão, doenças do sistema neurológico e imunitário. Aumenta ainda os níveis de energia do corpo, auxilia no processo digestivo e na perda de peso. Apresenta aminoácidos que estimulam o funcionamento das células brancas até 300%, evitando o desenvolvimento de constipações, gripes ou resfriados.

São indicados em tratamentos de algumas doenças, como o cancro, tuberculose, problemas cardíacos, deficiências imunes, hipertensão, colesterol, depressão, insónia e ansiedade. Ajuda também a aliviar as dores provocadas pela menstruação e na regulação dos níveis de insulina dos diabéticos.

Como saborosos e ricos em nutrientes são aconselhados na preparação de refeições, como saladas de fruta, batidos e com cereais de pequeno-almoço. Podem ser misturados com outras frutas secas ou frescas e em chás.

Chia

É rica em substâncias essenciais, como ácidos gordos polinsaturados, fibras e proteínas (especialmente as compostas por aminoácidos essenciais, que o organismo não produz). A chia também é fonte de minerais e ómega 3, ácido gordos com ação anti-inflamatória que ajuda a prevenir o surgimento de diversas doenças. Pode juntar as suas sementes de chia nos cereais, iogurtes ou saladas; comer algumas como simples snack ou moer e adicionar na farinha para fazer pão.

Pudim de chia
a receita básica do pudim de chia é mesmo só juntar tudo.
Ingredientes:
1 líquido – pode ser água ou bebida vegetal (cerca de 150-200ml)
sementes de chia (3 colheres de sopa)
E deixar de um dia para outro, vai formar um gel e depois é só adicionar fruta a gosto e comer.

Nota: pode adicionar ao seu gosto alternativas para variar o seu pudim de chia; cacau cru, mirtilos, morangos, 1 colher de sobremesa de canela, amêndoas ou nozes picadas….

Spirulina

super-algas-clorela-e-spirulina

A spirulina é uma alga usada frequentemente por desportistas, devido ao seu elevado conteúdo em proteína, que auxilia na produção de massa muscular. A clorofila não só lhe dá a cor verde como possui características antioxidantes. É também fonte de várias vitaminas (A, B1,B6, E e K). Encontra-se disponível principalmente em pó e pode ser adicionada a batidos, sumos ou omeletes e panquecas por exemplo.

É talvez um dos super alimentos mais falados. É bastante nutritiva, com cerca de 70% de proteína na sua composição, e rica em aminoácidos essenciais, vitamina A1, B1, B6, E e K. Além disso, tem também minerais e enzimas na sua composição. Tudo isto faz desta alga esverdeada um superalimento anti-inflamatório, anti-alérgico, desintoxicante e antibacteriano.

Pode encontrar a Spirulina em pó à venda e juntar uma colher de café (diariamente) a smoothies e sumos. Atenção que o seu sabor é um bocadinho forte, pelo que os ingredientes que escolher combinar devem ajudar a ocultar o seu aroma.

Sementes de cânhamo

As sementes de cânhamo são ricas em proteína, incluindo os 9 aminoácidos essenciais. Têm também uma boa quantidade de ácidos gordos polinsaturados ómega 3 e ómega 6, contribuindo para uma boa saúde cardiovascular. Tal como os restantes “super alimentos” são ricas em minerais, especialmente magnésio. Como sementes, são naturalmente ricas em fibra, podendo ser usadas para combater a obstipação. Podem ser facilmente adicionadas a saladas, iogurtes e batidos.

Mais um super alimento rico em ómega 3 e 6, ao qual se juntam os minerais, as vitaminas e as fibras. O Cânhamo, normalmente consumido em sementes, ajuda a baixar o colesterol e a tensão arterial, aumenta a energia, dá suporte ao sistema imunitário e pode ajudar a perder peso. Pode utilizar as sementes em várias receitas como na sua granola caseira, saladas ou, simplesmente, juntá-las a um iogurte num snack a meio da manhã.

Noni

A fruta noni, cujo nome científico é Morinda citrifolia, é originária do Sudeste da Ásia, Indonésia e Polinésia, as pesquisas atribuem-lhe diversas propriedades. Contém uma grande quantidade de vitaminas, minerais, enzimas e fitoquímicos, sendo consumido, por exemplo, para o alívio de gripes, resfriados e distúrbios digestivos.
fruto tropical proveniente do Taiti e em Portugal é vendido em sumo, que encontra a venda nas lojas celeiro ou nas lojas online.

Moringa

A moringa, também chamada de árvore da vida ou acácia branca, é uma planta medicinal que possui grande quantidade de vitaminas e minerais, como ferro, carotenoides, quercetina, vitamina C, entre outros, que proporcionam maior efeito antioxidante e anti-inflamatório.

A utilização desta planta é variada. A ingestão de moringa tem sido associada a inúmeros benefícios para a saúde, como a redução do colesterol, a melhoria da pressão arterial e dos níveis de glicose no sangue e ainda o combate à anemia devido ao seu alto teor em ferro.

Os atletas, como praticam exercício físico intenso diário, podem beneficiar de um normal funcionamento muscular assim como da redução do cansaço e da fadiga consumindo folhas de moringa, que fornecem nutrientes como o magnésio.

Experimente uma infusão de folhas de moringa: ajuda a enfrentar o stress ou proteger o coração, fígado, pulmões, rins com os componentes das folhas com as propriedades antiúlcera, antioxidante, anti-hipertensiva e analgésica. Pode também comprar em pó e juntar a sumos, batidos ou smoothies de pequeno-almoço ou lanche e, até, adicionar algumas colheres a temperos de saladas.

Efeitos colaterais e contra-indicações

O consumo excessivo de moringa pode resultar em alguns efeitos colaterais, como por exemplo náuseas, vómitos e diarreia. É recomendado evitar o consumo da raiz e de seus extratos, sem orientação de um profissional, pois contêm substâncias tóxicas que, quando usadas em concentrações excessivas, podem causar vários problemas de saúde.

A ingestão de moringa não é recomendada em mulheres grávidas e lactentes, pois essa planta medicinal pode interferir tanto na gestação como na produção de leite materno.

Segundo David Wolfe, autor de Superalimentos – A Alimentação e a Medicina do Futuro, os “alimentos que têm uma dúzia ou mais de propriedades únicas, não apenas uma ou duas”. Apesar dos benefícios destes superalimentos, o mais importante é manter uma dieta rica e variada evitando os alimentos processados que sofram qualquer tipo modificação.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.